terça-feira, 31 de julho de 2012

Oásis da Figueira da Foz – Abriu a caça ao pato!?

“-O Oásis do extenso areal da Figueira da Foz é um dos locais mais exóticos da cidade. Embora abandonado pela autarquia que não promove o seu potencial turístico, rentabilizando aquele investimento, constitui habitat para várias espécies vegetais mais comuns nas zonas desérticas, como o caso de palmeiras, assim como algumas espécies animais que se poderão observar ocasionalmente e outras que a habitam o ano inteiro, como é caso do pato-real. É uma oportunidade única para turistas e estudantes da região poderem observar esta fauna em estado semi-selvagem, muito embora esta possibilidade esteja claramente sub aproveitada.
Nos últimos meses, para divertimento de uns e para preocupação de outros, os patos-real que habitam o lago construído naquele espaço têm fugido para a via pública e muitas vezes atrevem-se a passar a avenida, constituindo um perigo não só para as suas vidas como também para os automobilistas. Um grupo de cidadãos mais preocupados tentou identificar as causas desse fenómeno e ao mesmo tempo encontrar soluções para o problema. Segundo algumas entidades oficiais e especialistas na matéria este facto ocorre não por falta de alimento, como de início se pensava, mas porque a área é profícua para as imensas ratazanas que também aparecem no local, especialmente durante a noite e que são naturais predadores dos ovos dos patos que se vêm assim impedidos de nidificarem. Portanto, torna-se urgente tomar medidas, como por exemplo uma desratização, no sentido de evitar consequências ainda mais drásticas ao nível do micro ecossistema que representa o Oásis, do turismo pela má imagem da cidade que esta situação transmite, assim como ao nível da saúde pública.
Segundo se pode apurar é consensual a opinião da Junta de Freguesia que há muito tempo se vem debatendo pela manutenção deste espaço, o que poderia ter prevenido este grave problema. No entanto, a Câmara Municipal tem-se mantido incompreensivelmente passiva e apenas se regista uma assinalável preocupação por parte do Sr. vereador Miguel Almeida que tem acompanhado de perto este caso específico do pato-real, prometendo levá-lo à apreciação do executivo."
(Enviado pelo nosso leitor C.R.)

2 comentários:

Anónimo disse...

Patos no Oásis!? Há mas é uma data de 'patos' pela cidade que são TODOS os que votaram nesta câmara!!
A.O.

Anónimo disse...

A ideia brilhante do Oásis deu nisto! Palmeiras no clima da Figueira com geadas e vento? Agora só para habitat de ratazanas. Enquanto os "doutores" da Figueira andarem numa de guerra se a Câmara é PS ou PSD nunca haverá evolução positiva na Figueira. Perdem o tempo a dizer mal uns dos outros esquecendo-se que são todos iguais! Ponham os olhos na Câmara de Óbidos por exemplo.

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------