terça-feira, 21 de janeiro de 2014

Estrangeiros em situação irregular detetados em casas de diversão noturna da cidade

Sete cidadãos estrangeiros em situação irregular, quatro dos quais notificados para abandonarem o país, foram identificados no âmbito de uma operação do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), na Figueira da Foz, anunciou hoje aquela entidade. 
Em comunicado, o SEF afirma que a operação, realizada no sábado em dois estabelecimentos de diversão noturna, levou à identificação de 40 pessoas, 22 das quais de nacionalidade estrangeira. 
Dos sete cidadãos que se encontravam em situação irregular, "por não possuírem autorização de residência ou visto que os habilite a permanecer" em Portugal, quatro foram notificados para abandonarem voluntariamente o país e um encontra-se em processo de afastamento coercivo. 
Outros dois estrangeiros foram notificados para serem ouvidos no SEF, já que "podem reunir condições para regularizar a respetiva situação documental". 
A operação, que visou prevenir e combater a exploração laboral de mão-de-obra ilegal, o auxílio à imigração ilegal e o tráfico de pessoas, levou ainda, segundo o SEF, à instauração de processos a entidades "que empregavam trabalhadores sem a situação documental regularizada", puníveis com coimas que podem variar entre os 4.000 e os 20.000 euros. (Lusa/Sol - Foto nossa de arquivo)

Sem comentários:

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------