segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Tinta invisível

Agora que estão a realizar obras neste troço da Av. Saraiva de Carvalho para ver se acabam de vez com as ‘cheias’ na rua da República e envolventes (...já sabemos, pronto!... mas haja continuada esperança!...) seria de bom tom aproveitar o ensejo para repintar e realçar (e até explicitar melhor) a sinalização horizontal, pintada no alcatrão. 
Nalgumas altura do dia, consoante o tempo que faz e a incidência do sol, a pintura até tem razoável visibilidade. Mas na maior parte do dia estas pinturas de trânsito estão invisíveis, confundindo “à-grande-e-à-francesa” os automobilistas, mormente os de fora, que ora circulam na pista indevida, ora atalham onde não devem por “não-verem-nada”, potenciando pequenos acidentes como o ocorrido na passada 6ª feira à tarde. Alguma chapa amolgada e muitos gritos, e sobretudo a frase no ar do ‘culpado’: “-…mas isto aqui não se vê nada!” 
Pois!...

Sem comentários:

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------