quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

Curiosidades dispersas figueirenses

-A Praça 8 de Maio, apelidada de Praça Nova, já se chamou de Praça da Reboleira e de Praça Nova da Alegria; E antes de tudo isto, era uma praia, a Praia da Reboleira; 
-A Rua 31 de Julho já foi denominada rua dos Tropeções e rua Quebra-Costas; 
-A Praça Velha e o Largo Luís de Camões também eram uma praia, a Praia da Ribeira; 
-E a terceira praia situava-se no local do jardim e denominava-se Praia da Fonte; 
-A Praça General Freire de Andrade (Praça Velha) já se denominou de Praça do Comércio por ali se ter situado o mercado da Figueira; 
-A primeira rua empedrada (calçada com seixos) foi a rua de Sto. António; 
-A primeira indústria figueirense foi a de construções navais: No século XVIII a Figueira tinha 28 estaleiros; 
-O edifício onde se situa a Câmara Municipal foi inaugurado em 2 de Janeiro de 1898; 
-O Matadouro Municipal foi inaugurado em 1917 e encerrou definitivamente em 1999; 
-A Associação Naval 1º de Maio foi fundada a 01 de Maio de 1893; O Ginásio Clube Figueirense (inicialmente designado por Club Gimnástico Velocipédico Figueirense) a 01 de Janeiro de 1895; O Sporting Clube Figueirense a 01 de Dezembro de 1918; e o Grupo Instrução e Sport, em Buarcos, a 31 de Janeiro de 1920. 
-O Coliseu Figueirense foi inaugurado em 25 de Agosto de 1895; 
-A primeira exibição cinematográfica na Figueira da Foz realizou-se no Teatro Chalet (Bairro Novo, traseiras do Casino Oceano) que foi destruído por um incêndio em 29 de Setembro de 1905.

Sem comentários:

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------