quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Baloiços radicais perigosos no jardim!

Para além das queixas constantes e habituais sobre o “equipamento para adultos no parque infantil do jardim municipal” (e por isso é que está quase sempre ‘às moscas’, preferindo a maioria dos pais irem para o parque infantil – este sim! – de Buarcos) acresce a falta de manutenção que os torna mais ‘radicais’ e, por isso, mais perigosos para a pequenada. 
Enervado, um comerciante da zona alertou-nos para um dos equipamentos cujo pesado ‘pêndulo’, que estava preso a um cabo no chão, está agora solto há várias semanas! Ora acontece que, como está solto, as crianças empurram-no e, quando volta para trás, pode bater e causar ferimentos na cara dos miúdos (já que a altura é a mesma). 
O que aconteceu com o seu neto de 5 anos de idade, valendo-lhe que o pêndulo o atingiu no sobrolho! Mas pergunta: “-E se fosse numa vista, como seria!?” 
Mas há mais: falta uma ‘manete’ num… como se chamará aquilo?... oscilador de molas, e também há umas cordas soltas no equipamento com as ditas! 
Isto já para não falar do repuxo de água que já não funciona há uns quatro ou cinco anos, e que quase que se pode dizer que era o que a criançada mais apreciava! E não se pode dizer que é para ‘poupança’, pois o da Praça Nova está sempre ligado apesar de nele nunca se ver ninguém a brincar!...

2 comentários:

José Carlos disse...

Quem tem crianças procura segurança e divertimento para os seus.
As Abadias são um espaço óptimo para partilhar com a pequenada.
O espaço de Buarcos é bem mantido e limpo. Tem sempre muita procura.
O espaço do Jardim ameaça degradação rápida.
Há muito a fazer. Por exemplo o espaço da praia, zona da piscina, está bem colocado mas é curto de equipamento.

Augusto Sena Cardoso disse...

Estes JOGOS DE ÁGUA COLOCADOS no Jardim Municipal há anos e que foram bem pagos pelos CONTRIBUINTES, não trabalham por não haver dinheiro para a sua manutenção, SERÁ ???. Isto não acontece noutras Vilas e Cidades por onde tenho passado. É triste e muito lamentável os comentários que nós figueirenses ouvimos a torto e a direito de forasteiros principalmente os "CLIENTES HABITUAIS DA FIGUEIRA DA FOZ ". Que se lembram sobretudo duma cidade BEM LIMPA . Não sabemos como esta terra a Praia da Claridade, agora infelizmente é mais da " CALAMIDADE " do que outra,coisa tem resistido ao longo dos anos aos " MAUS TRATOS QUE UNS E OUTROS LHE TEM INFLIGIDO " Mas a cidade ESTOICAMENTE CONTINUA A RESISTIR !!!

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------