domingo, 20 de março de 2016

As letras dos bancos!

Entretanto, para quem pensou que tivessem surripiado as ‘costas’ de alguns dos bancos do jardim e, assim, privarem as pessoas de se sentarem, nada disso: Os espaldares foram retirados para neles se escreverem mais umas estrofes de poesia (o que já vem acontecendo há três ou quatro anos) no âmbito do Dia Mundial da Poesia, que se assinala amanhã, 21 de março.

1 comentário:

José disse...

já agora podiam te tratado dos bancos em causa ou será para manter o aspecto de velhice?
e daqui a uns tempos investir em novos para justificar gastos?

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------