segunda-feira, 16 de maio de 2016

Iate naufragou esta manhã em frente à Leirosa devido a explosão na casa das máquinas!

Os tripulantes não sofreram ferimentos, mas a embarcação constitui um perigo para a navegação. O iate “Alanca” de 16 metros e registado em Vigo está naufragado a cerca de duas milhas náuticas (3,7 quilómetros) em frente à praia da Leirosa, a sul da Figueira da Foz, "com a proa de fora", estando a decorrer operações no local para o fixar com recurso a âncoras, "para que não ande à deriva". 
O comandante do porto, Silva Rocha, adiantou que “está naufragado numa zona que tem 14 ou 15 metros de profundidade, mas é um obstáculo à superfície e já foi emitido um aviso à navegação"
O alerta para a existência de uma embarcação "semiafundada" foi dado às 09h44 de hoje por um navio de pesca, o "Duas Estrelas", que retornava ao porto da Figueira da Foz. Outra embarcação de pesca, o "Pai Eterno", ficou no local a marcar a posição do naufrágio, enquanto as autoridades enviavam três meios marítimos e um meio aéreo para a zona do naufrágio. "Às 10h38 foi recebida informação da autoridade portuária da Figueira da Foz de que estaria a entrar na barra um bote com duas pessoas a bordo. Os náufragos, de nacionalidade espanhola, com 43 e 37 anos de idade, atracaram o bote em segurança e confirmaram ser os únicos tripulantes da embarcação de recreio Alanca"
A embarcação "terá sofrido uma explosão na casa das máquinas, o que fez com que afundasse de imediato". As causas da explosão "estão ainda por identificar" e estão a ser averiguadas as condições de remoção do iate… 
(Compilação do Correio da Manhã Online que pode ler na integra AQUI – Foto nossa de arquivo)

Sem comentários:

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------