quinta-feira, 7 de março de 2013

Jogador envolvido em assaltos “de terror” foi hoje erradamente conotado com a Naval 1º de Maio

“Onze futebolistas em 50 assaltos!
A ilusão de atingirem carreiras profissionais em clubes portugueses fez com que oito jovens futebolistas rumassem da Guiné ao nosso país. Três atletas portugueses e oito guineenses, um deles a jogar na Naval, roubavam com violência nas ruas da capital.
Poucos atingiram o sonho, uma exceção é Samba Sedi, 19 anos, ao serviço da Naval 1.º de Maio, da Figueira da Foz. Até à manhã de ontem - a PSP foi buscá-lo ao treino. De acordo com a edição de hoje do Correio da Manhã, Samba está preso, em conjunto com sete compatriotas e outros três portugueses, entre 18 e 27 anos, por mais de 50 roubos violentos nas ruas de Lisboa.
Seidi tinha clube, mas partilhava com os outros assaltantes as condições precárias - a Naval tem os ordenados em atraso. E os seus compatriotas estavam, tirando dois, colocados no Coruchense e Benaventense, à experiência em clubes de Lisboa.
Os 11 atletas, entre eles três irmãos, roubavam ouro e artigos de valor que vendessem rapidamente - assim obtinham dinheiro para se sustentar. O gang atacava em grupos de dois ou três elementos e sujeitava as vítimas a momentos de terror.” 
 (Revista da Imprensa, citando o CM)
…………………………
Entretanto Armando Guindeira, diretor geral do clube, repudiou a forma especulativa da notícia, pois o jogador visado “não é jogador da Naval 1º de Maio, nunca tendo feito parte do quadro de futebolistas do clube. Foi unicamente indicado ao clube há cerca de mês e meio atrás, e acedemos que fosse permitido ao jovem mostrar o seu valor futebolístico num período experimental"
O dirigente acrescentou também não haver ordenados em atraso, até porque "…acedemos desde que esse facto não acarretasse quaisquer encargos financeiros para o clube, até porque o jovem tinha idade de júnior e nós nesta categoria não pagamos ordenados ou subsídios a quaisquer jogadores"
(Compilado de Agência Lusa)

Sem comentários:

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------