sábado, 11 de agosto de 2012

À vista desarmada!

Ali na curva de acesso à avenida, de quem vai da Praça Nova e com a Câmara à vista, está o lancil do passeio neste “bonito” estado vai para um mês! Para além do aspeto inestético, há a considerar a perigosidade para os automobilistas!
A Câmara pode estar à vista, mas dela não se avista esta e outras anomalias da cidade!

2 comentários:

José disse...

pois...com este calor,a brigada do reumático que vai levando os nossos impostos,está à sombra em qualquer canto do património municipal,afinal o importante é o salário aparecer no final do mês,o trabalho que espere até que se não for feito também não tem problema,andam todos cansados desde cima a baixo...ÀSALAZARSALAZAAAAAR........fortes d`Èlvas e Tarrafais são precisos uns quantos.

Unknown disse...

" à vista desarmada", mas quem tem obrigações "não desarma". É como bater numa parede de betão. Ao menos podia ser parede de borracha para haver algum retorno e não haver a impressão de que se reclama para "surdos".

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------