sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Até qu’enfim!...

…que começaram as obras no passeio frontal ao forte de Sta. Catarina. E como só começaram só agora em final de agosto, não se percebe porque encerraram aquele espaço durante os últimos dois meses!

5 comentários:

Anónimo disse...

Talvez só por desconhecimento estes post`s sejam efectuados. Como terá certamente notado na comunicação social, o governo inviabilizou todos os projectos do QREN, cujos trabalhos ainda não tinham sido iniciados até Junho. Era de todo importante o inicio das obras pois se assim não fosse, não havia financiamento... nem obras!
Penso que é fácil de perceber.

António Flórido / O Palhetas na Foz Jornal Online disse...

É pena o leitor das 23h55 ser anónimo, mas mais pena é ser desatento ou, então, não saber interpretar o que foi escrito no 'post'. A noticia não põe em causa o inicio das obras na zona ribeirinha da cidade, mas tão somente o facto de terem vedado especificamente este espaço no inicio do verão, quando mais turistas vêm à cidade e gostam de ver os seus monumentos. As obras começaram, e atempadamente, junto ao rio, claro que preservando o projeto do QREN.

João Gusmão disse...

É difícil entender porque fecharam aquilo ? Ah, claro aquela obra é um trabalho que é só chegar lá, e em um dia com maquinas e puffff fica pronto... por favor só criticas como os velhos do restelo.
E para mais o parque das gaivotas organizado com os lugar de estacionamento, chega muito bem ou é uma boa solução, as pessoas tem que ser mais PACIENTES e POSITIVAS e só mostra um ar de cidade a ser renovada, etc, etc...

E acho que o Castelo Eng. Silva Guimarães também esteve barricado muito tempo e perturbou todos os turistas e o comercio a sua volta, por favor...HAHA

P.S. E sim é a primeira vez que comento aqui e não, não sou apoiante de nenhum partido ou amigo de alguém na câmara, nem algo do género, já que é uma das coisas possíveis que irá dizer. Haha

Anónimo disse...

Quanto a datas e QRENs, Voxelências estão seguramente melhor informados. Ademais, não é inédito na Figueira fazerem-se obras em pleno Verão. Mais complicado é vê-las no resto do ano, mas suponho que terá também a ver com outro qualquer "quadro". O que é extraordinário na foto, é o facto de terem rapado a erva e a calçada portuguesa que ali existia. É para recolocar? É que se não for, percebe-se e bem o desafogo em que a CMFF vive.

Anónimo disse...

Afinal, era paralelo ( coisa horrível) com desenho, e tinha um semi-círculo com uns bancos de pedra cheios de verdete. E atrapalhava o pessoal que queria ir ao rodízio. Está explicado.

P.S. A remoção da relva tem por objectivo evitar que os canídeos deixem lá o cagalhoto.

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------