domingo, 20 de outubro de 2013

Não se passa na rua do Paço! Nem os bombeiros!!

Já nos finais do mês passado publicámos aqui o prejuízo que esta vala, aberta na rua do Paço há cerca de mês e meio pela empresa Águas da Figueira, vai causando nos rodados dos automóveis e incomodando os moradores, mormente à noite, pelo barulho estes fazem ao passarem-lhe por cima. A foto foi tirada por volta do meio dia de hoje e, apesar de ser domingo, à tarde já lhe tinham colocado umas pazadas de areia por cima… não que resolva muito em caso de chuva, que parece que vem esta semana em força… mas enfim (que é o que se costuma dizer nestas situações)! 
Mas a par desta prejudicial vala, há outras coisas nesta rua cada vez mais com sinais menos. E não é pouco. 
Por exemplo: Na foto da direita vê-se um segundo esburacamento (1)! E mais abaixo os andaimes numa casa para futuras obras(2)! Ainda bem que se remodela um prédio antigo, mas porque é que estes andaimes não foram contemplados com uma passagem para peões, como se costuma ver!? É que estes, em local tão apertado, têm que passar (como em mais outras situações nesta mesma rua!!) pelo meio da estrada! E mais: De tão apertada que é cada vez mais a via neste local, já ocasionou que o camião de recolha dos ecopontos tivesse embatido na varanda do prédio fronteiro(3)! E até as viaturas maiores dos Bombeiros Municipais não conseguem ali passar! Ou seja, na rua do Paço não se passa!...

4 comentários:

Joao Pedrosa Russo disse...

A rua do Paço devia ser pedonal.

Manuel Ferreira disse...

Como toda agente sabe a empresa águas da figueira é a assassina das ruas e estradas do conselho não fazem as devidas reposições dos pavimentos como deviam de ser feitos, não só dentro da cidade como por todo o conselho, basta percorrer o conselho para verificar os cortes feitos pela dita empresa e ver como estão autenticas valas alcatroadas, como ninguém os obriga a repor o piso como dignamente transitável a empresa aguas da figueira faz o que quer.

Anónimo disse...

Se se pusesse uma passagem para peões mais valia fechar a estrada... pois nessa situação ou passam carros ou passam peões.

Anónimo disse...

Concordo Sr. Manuel Ferreira. É uma pouca vergonha. Muitas vezes limitam-se a despejar umas "pazadas" de alcatrão sem qualquer desejo de fazer um trabalho como deve ser. Andamos a pagar os impostos a que somos obrigados em prol de um serviço publico e depois é tudo atamancado...
Mas também, com uma maneira de pensar do nosso povo do estilo "isto assim já resolve..." não me admira que na sua (do povo) actividade laboral o método de pensar não seja diferente..

CLIQUE EM MENSAGENS ANTIGAS E CONTINUE A LER 'O PALHETAS NA FOZ'
=================================================================

Translate this newspaper for other languages

---------------------------------------------------------------------------------------------------